Como investir em ações com segurança

Se você já pensou em investir em ações, com certeza já deve ter ouvido que se trata de um investimento complicado, arriscado e volátil. O que pouca gente sabe é que investir neste setor é mais fácil do que se imagina e, com um pouco de técnica e tato é possível atingir alta lucratividade.

Tanto é assim que, a Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa), em 2002 movimentava R$ 400 milhões por dia, hoje movimenta cerca de R$ 5 bilhões. Nesses 8 anos, o número de pessoas físicas operando em Bolsa da Valores teve um crescimento de aproximadamente 2000%. É o retrato de que qualquer pessoa que queira atuar no mercado financeiro, pode e deve começar a investir em ações.

Mas, quais os primeiros passos para começar a investir?

1° Antes de tudo contrate os serviços de uma Corretora de Mercado de Ações que seja associada a Bovespa;

2° Após se associar a Corretora, você pode dar ordens de compra ou venda de ações na Bolsa de Valores (Bovespa);

3° Agora é contabilizar os lucros e investir na compra ou venda de outras ações.

Cabe ressaltar que não existe um valor mínimo para se começar a investir, isso depende do preço da ação e até mesmo da Corretora contratada. Sendo assim, há diversas formas para se começar a investir em ações.

Individualmente: O investidor procura uma corretora e contrata seus serviços. Em seguida, com a assessoria dos profissionais da corretora, o investidor escolhe as ações que deseja adquirir e transmite a ordem de compra diretamente para a corretora.
Clubes de Investimento: Um grupo de pessoas físicas se reúne e procura uma corretora para constituir um Clube de Investimentos. Nesse caso, existe um representante do clube, que fica em contato com a corretora para transmitir as decisões acordadas entre os participantes.
Fundos de Investimento: O investidor compra lotes de um fundo de ações, administrado por uma corretora de valores, um banco ou um gestor de recursos independente.europe binary option

Leave a Reply